Heavy Metal

A definição do Heavy Metal talvez seja uma das tarefas mais difíceis existentes no mundo da música. Há décadas diversos jornalistas, estudiosos, músicos e opinadores de plantão tentam explicar esse complexo, misterioso e envolvente gênero nascido das entranhas do bom e velho rock ‘n’ roll.

Para os iniciantes – ou leigos -, qualquer música extremamente alta e barulhenta é uma justificativa para ser heavy metal. Dessa forma, podemos pensar que esse gênero tem suas raízes muito antes de realmente existir no cenário musical, sua fórmula estaria nos acordes dos Rolling Stones, The Kinks, The Who (talvez a banda mais alta desses todos), o próprio Jimi Hendrix e Cream. O termo “heavy metal” foi primeiramente usado nos anos 60 para a clássica “Born To Be Wild”, da banda Steppenwolf, referindo-se ao “heavy metal thunder”, o som emitido pelas motocicletas; mas tudo indica que o nome foi realmente disseminado pelo crítico musical Lester Bangs (num artigo, em 71, na Rolling Stone) para definir as bandas barulhentas.

No entanto, há debates entre especialistas que consideram grupos como Black Sabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Cream e Blue Cheer como sendo as primeiras bandas de heavy metal, entre os anos 60 e 70. Esses foram os desbravadores que transmitiram e executaram um desejo de progresso num nível superior de seus antecedentes, em busca de superação e melhores técnicas; essas bandas aos poucos mudariam a maneira de se tocar, especialmente no peso – com as variações das distorções – e nos inovadores e inimagináveis riffs de guitarra. Após esse período o Heavy Metal tornou-se um grande leque de referências e estilos, aberto para maiores experimentações e constantemente em desenvolvimento, independente de seu subgênero – death metal, progressive metal, power metal, etc.

Não acredito que possa haver uma pessoa 100% correta no momento da explicação do metal. A raça humana é tendenciosa por natureza, logo, suas definições e escolhas também.  É dessa maneira que desejo mostrar os álbuns que considero essenciais – desde seu nascimento, auge e os dias atuais -, independente do estilo que carrega dentro do heavy metal.

Espero que goste dessa jornada.

Clique aqui para ver o primeiro post do blog.

Stay heavy!

Anúncios

1 Comentário

  1. […] Heavy Metal […]


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Twitter

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.